Terrorista norte-americano confessa ações em Cuba

24/08/2009 13:31

Um cidadão norte-americano, Gustavo Villoldo, em entrevista ao jornalista Tim Elfrink, do Miami News Times, confessou ter participado de um atentado em outubro de 1971 contra um vilarejo de pescadores, em Cuba, a mando da Central de Inteligência dos EUA, a CIA.

Duas pessoas morreram e quatro ficaram feridas, dentre elas, Nancy Paván uma menina que teve um dos pés amputado.

A notícia foi publicada pelo jornal cubano Granma.Villoldo já havia participado da tentativa de invasão de Cuba em Praia Girón. Ele também participou do episódio que resultou na morte de Che Guevara em outubro de 1967, na Bolívia.

O Granma reproduz a foto (ao lado) de Villoldo ao lado do corpo de Guevara.

 

Voltar

Pesquisar no site

© 2008 Todos os direitos reservados.