Progride diálogo bilateral entre Cuba e Estados Unidos

28/02/2015 21:04

As delegações de Cuba e dos Estados Unidos na segunda rodada de conversações bilaterais concordaram na última sexta-feira (27) em assinalar os progressos alcançados no objetivo comum de restabelecer relações diplomáticas e abrir embaixadas nas respectivas capitais.

 

A diplomata cubana qualificou de "respeitoso e profissional" o clima das conversações, marcadas pela vontade de avançar para a normalização das relações entre os dois paísesA diplomata cubana qualificou de "respeitoso e profissional" o clima das conversações, marcadas pela vontade de avançar para a normalização das relações entre os dois países

Em coletivas de imprensa separadas concedidas na conclusão das conversações, a diretora geral de Estados Unidos da chancelaria cubana, Josefina Vidal, e a secretária assistente de Estado para os Assuntos do Hemisfério Ocidental, Roberta Jacobson, destacaram o ambiente do encontro e a disposição de manter a aproximação. 

Conseguimos aproximar as posições de ambos os países a respeito dos temas a discutir para restabelecer os vínculos, afirmou Vidal no Departamento de Estado, sede do diálogo que deu continuidade ao que foi iniciado em 22 de janeiro em Habana.

A diplomata cubana qualificou de respeitoso e profissional o clima das conversações, marcadas pela vontade de avançar para a normalização das relações, manifestada pelos presidentes Raúl Castro e Barack Obama em 17 de dezembro passado.

Sou otimista de que em algumas semanas podemos ter resultados, precisou.

De acordo com Vidal, durante as conversações ela insistiu na necessidade de solucionar problemas como a inclusão de Cuba na lista de patrocinadores do terrorismo e a impossibilidade de sua Seção de Interesses em Washington aceder a serviços bancários, uma situação que se mantém há mais de um ano.

Por sua parte, Jacobson ressaltou a seriedade e o el espírito de cooperação do diálogo.Foi uma conversação produtiva e frutífera, realizada além do mais em um tom construtivo, sublinhou.

As diplomatas adiantaram a continuidade dos contatos voltados para restabelecer as relações diplomáticas e abrir embaixadas nas respectivas capitais, mas não especificaram se será realizada uma terceira rodada de conversações.

Igualmente, anunciaram a realização nas próximas semanas de reuniões técnicas sobre assuntos de interesse mútuo, como o tráfico de pessoas, a aviação civil, a prevenção da fraude migratória, as telecomunicações, os direitos os humanos e as mudanças nas regras que modificam a implementação do bloqueio imposto à ilha por mais de meio século.

Prensa Latina

Voltar

Pesquisar no site

© 2008 Todos os direitos reservados.