Cuba: se consumou um passo para os objetivos golpistas no Brasil

24/05/2016 00:50

 

Reuters
Havana manifestou apoio a Dilma, ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, ao PT e ao povo do BrasilHavana manifestou apoio a Dilma, ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, ao PT e ao povo do Brasil

“O que ocorre no Brasil é parte da contraofensiva reacionária do imperialismo e da oligarquia contra governos revolucionários e progressistas da América Latina e Caribe que ameaça a paz e estabilidade das nações”, declarou o governo cubano em nota oficial.

“[O impeachment no Brasil] se trata, na realidade, de um artifício armado por setores da oligarquia no país, apoiados pela grande imprensa reacionária e o imperialismo, com o propósito de reverter o projeto político do Partido dos Trabalhadores, derrubar o governo legítimo e usurpar o poder que não puderam ganhar com o voto eleitoral”, diz a nota.

Havana manifestou apoio a Dilma, ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, ao PT e ao povo do Brasil, que “contam e contarão sempre com toda a solidariedade de Cuba”.

Na nota, o governo cubano cita uma fala do presidente Raúl Castro, feita no último mês de dezembro. “A história demonstra que, quando a direita chega ao governo, ela não tem dúvidas em desmontar as políticas sociais, beneficiar os ricos, restabelecer o neoliberalismo e aplicar terapias de choque cruéis contra os trabalhadores, as mulheres e os jovens”, disse Raúl.
 
 

Do Portal Vermelho, com informações da Opera Mundi

 
Voltar

Pesquisar no site

© 2008 Todos os direitos reservados.