Benicio del Toro estreia como diretor em projeto cubano

05/03/2011 15:50

O ator porto-riquenho Benicio del Toro estreou nesta sexta-feira (4) em Havana como diretor de Sete Dias em Havana (em livre tradução do espanhol). O filme conta a história de um ator norte-americano que descobre a capital cubana para além de seus centros turísticos.

Com 15 minutos de duração, a história integra um longa-metragem de coprodução hispano-francesa, com orçamento de três milhões de euros (R$ 6,92 milhões). Os protagonistas são os atores cubanos Daisy Granados (de Retrato de Teresa, 1979) e Vladimir Cruz (de Morangos e Chocolate, 1994).


A produção conta com a participação de outros seis diretores: o espanhol Julio Medem (Lúcia e o Sexo, 2001), o argentino Pablo Trapero (Leonera, 2008), o argentino Gaspar Noé (Irreversível, 2002), o cubano Juan Carlos Tábio (Morango e Chocolate, 1979), o palestino Elia Suleiman (O Tempo que Resta, 2005) e o francês Laurent Cantet (Entre os Muros da Escola, 2008).


Ao apresentar o projeto em Havana, em dezembro do ano passado, o produtor espanhol Alvaro Longoria declarou que cada cineasta colocaria os olhos em uma cidade em que todos levam vidas diferentes, mas acabam por se encontrar. No filme, cuja estreia está prevista para o final de 2011, intervieram os escritores cubanos Leonardo Padura e Eliseo Antunaga.


Da Redação, com informações da Ansa Latina

Voltar

Pesquisar no site

© 2008 Todos os direitos reservados.